O Projeto corresponde a um conjunto articulado de ações formativas que visa preparar jovens gestores sociais capacitados para lidar com a riqueza e diversidade do patrimônio cultural e social baiano tendo como perspectiva a mobilidade social dos mesmos, e de suas comunidades de origem, mediante a inserção qualificada na economia cultural.

Objetivo geral: Potencializar lideranças comunitárias, transformando-as em gestores sociais para o desenvolvimento.
Público-adotante primário: adolescentes e jovens afrodescendentes de comunidades de baixa renda.
Quantidade do público adotante –primário: 300 alunos

Valor total do investimento total: R$ 250.000,00

Apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia.